Página Principal  Comunicação  Notícias

Aumentar(+)   Diminuir(-)
19/04/2017

Reforma Trabalhista abalada pela Lava Jato

As mobilizações para a greve geral marcada para 28 de abril e o tumulto que tomou conta de Brasília após o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizar a abertura de inquéritos contra quase uma centena de políticos, entre eles oito ministros do governo Michel Temer (PMDB), podem retardar a tramitação do projeto da reforma trabalhista. Até a última semana, a proposta, de autoria do Executivo, apontada por Temer como prioridade, tramitava em ritmo acelerado no Congresso. Agora, apesar das declarações de lideranças governistas de que a agenda segue normalmente, a base está intimidada.
 

Voltar Imprimir Enviar por E-mail   Informar Erro   Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter

Sinpro/RS - Av. João Pessoa, 919 - Farroupilha - CEP 90040-000 - Porto Alegre - RS - Fone (51) 4009 2900 - Fax (51) 4009 2917 - Filiado a CUT, Contee e Fetee/SUL

© Copyright 2006 - 2017, Sinpro/RS - Todos os direitos reservados.